Adicionar à lista de espera We will inform you when the product arrives in stock. Just leave your valid email address below.
Email Quantity We won't share your address with anybody else.

Dicas de Alinhamento Maverick

INTRODUÇÃO:

Olá amigos do site Maverick73, após receber diversos emails de amigos visitantes de várias partes do país com problemas de alinhamento em seus Mavericks, criamos esse tópico com algumas dicas sobre ALINHAMENTO, focando em detalhes específicos para o Maverick.

O alinhamento do carro consiste da verificação da Cambagem (camber), Caster e Convergência/Divergência

Não iremos abordar o tema sobre balanceamento das rodas por ser um item simples e sem muitos detalhes.

Para o fácil entendimento do assunto, caso você não conheça as peças da suspensão dianteira, peço que visite o tópico “conhecendo as peças da suspensão dianteira” clicando aqui!

 

CAMBAGEM:

A cambagem (camber) é a inclinação das rodas na parte superior conforme a linha de centro da mesma. Para entender, veja figura abaixo:

camber

A inclinação para fora é conhecida como cambagem positivo e a inclinação para dentro é conhecida como cambagem negativa.

Problema comum: No caso de camber excessivo, provocado por diâmetros irregulares conforme ângulo do caster diminuindo a área de contato do pneu com o solo. Desta forma o veiculo tende a puxar para o lado que o ângulo do caster for maior, causando o desgaste prematuro dos pneus, conhecido como desgaste cônico.

As especificações de tolerância máxima da cambagem estarão disponíveis ao final deste tópico.

CASTER:

O caster é o deslocamento da roda para frente ou para trás de acordo com a linha de centro da roda levando em consideração o ângulo longitudinal da ponta do eixo.

O caster é o responsável por manter a estabilidade direcional mantendo o carro em linha reta e o retorno das rodas para a posição correta ao termino de realização das curvas. Para entender, veja figura abaixo:

caster

O deslocamento da roda no sentido frente do carro é conhecido como caster positivo e a roda deslocada sentido centro do carro conhecida como caster negativo.

Problema comum: O caster negativo interfere sensivelmente no centro de gravidade do carro, distancia entre eixos prejudicando a dirigibilidade e o caster positivo causa esforço excessivo na distribuição da gravidade do carro, mesmo que positivamente.

As especificações de tolerância máxima do caster estarão disponíveis ao final deste tópico.

CONVERGÊNCIA / DIVERGÊNCIA:

A convergência é a abertura ou fechamento das rodas na parte dianteira.

Veículos com tração dianteira, utilizam a convergência negativa (ângulo divergente A > B).

Já os veículos com tração traseira como o Maverick, utilizam a convergência positiva (ângulo convergente A < B). Para entender, veja figura abaixo:

convergenciaProblema comum: A convergência excessiva causa o desgaste na parte externa do pneu, enquanto que a divergência fora dos limites causa o desgaste na parte interna do pneu.

As especificações de tolerância máxima da convergencia estarão disponíveis ao final deste tópico.

Agora que explicamos resumidamente sobre os itens de alinhamento vamos ao que interessa. Os cuidados e observações para o alinhamento do Maverick. Porém, antes, um comentário:

Este tópico refere-se ao alinhamento utilizando a suspensão original do carro. Eu não tenho informações e nem dados técnicos de outras suspensões adaptáveis como por exemplo sistema IFS, tubular, etc.

Cuidados para o alinhamento do carro:

1) Situação da Suspensão

Não caía na conversa de alguns alinhadores pé-de-chinelo que tem por aí. Deve ser verificado o estado geral das diversas peças da suspensão como folgas dos pivôs, dos terminais, da barra central, buchas do braço auxiliar, bandejas e tensores.

Se o sistema tiver comprometido e cheio de folgas, esqueça o alinhamento. Se ele colocar o carro dentro das medidas, basta você virar a esquina e voltar pra conferir que com certeza já terá diferença novamente. Não existe alinhamento que presta com suspensão ruim.

Outra coisa: cuidado ao comprar estas peças vagabundas que tem por aí, especialmente umas peças argentinas e chinesas disponiveis no mercado. Aquelas porcarias não valem nada.

2) Profissional Qualificado

Este provavelmente é o que mais pega. As vezes, o amigo maverickeiro, vê uma empresa grande e leva o carro lá achando que tá em boas mãos e daí dança. Já recebi diversos emails e telefonemas de gente desesperada que levou o carro em lojas com profissionais ruins (cú-sujo) que montaram até peças invertidas (terminais curtos no lugar dos longos, sem as bieletas, etc).

Procure saber das referências do cara, se ele conhece o carro, etc. Como a gente diz aqui em MG, com 2 minuto de prosa a gente puxa a capivara do camarada, sabe até se ele é corno, gay, cruzeirense ou atleticano.

Procure acompanhar o serviço, antes de pagar, dê uma volta no carro, ande em linha reta, observe o comportamento do carro, se tá puxando e qualquer sinal de dúvida do alinhador, cancele o serviço antes que o mesmo faça uma merda no seu carro!

Aqui em Ipatinga por exemplo, tem mais de 20 empresas que fazem alinhamento e nós aqui só conhecemos um alinhador que entende de maverick. O nosso amigo Elias Barbixinha. Se ele morrer, estamos mortos.

alinhamento1
Elias Barbixinha em ação3) Equipamento

Procure pelos equipamentos de alinhamento 3D. É mais confiável e a maioria deles já tem pré-definido no sistema todas as especificações de alinhamento do carro.

alinhamento3 alinhamento2
Detalhe do alinhamento 3D e visão do equipamento
4) Carroceria

Já vi e presenciei uma grave torção de torre que aconteceu com um maverick aqui da cidade. Todas as tentativas de alinhamento não deram certo e os valores apresentados na cambagem estavam muito acima da tolerância.

Neste caso, foi feito um pente-fino nas torres e estrutura e foi encontrado trinca que por sua vez causou torção em um dos lados da torre. Foi necessário o envio do carro a uma empresa de alinhamento de chassis/monobloco para a correção do problema. Foi necessário serviços de corte, substituição de chapa e colocação de reforço na torre. Portanto fica o alerta!

Como dica, eu uso reforços de torre superiores e reforço inferior, ambos disponiveis a venda no mercado.

5) Cuidados com Caster

Um dos itens de maior atenção é o ajuste de caster em maverick! Já aconteceu comigo e a maioria dos emails recebidos foi por problemas de erro no ajuste de caster, motivo para criação desta página.

É muito comum a torção na base de encaixe da bandeja inferior e daí o cara alinha na marra adiantando o tensor e tirando o carro do centro de gravidade. O carro fica incontrolavél na reta, direção oscilante e ao fazer curva pior ainda.

Se você saiu do alinhamento e percebeu que o carro tá apresentando um instabilidade frequente pode voltar lá que o caster tá fora!

No meu caso, o problema era torção na base de fixação da bandeja inferior e foi corrigido em uma empresa de alinhamento de chassis/monobloco.

6) Cuidados com Cambagem

– A cambagem tambem merece uma atenção especial, pois há dois tipos de cambagem que podem ser feitas

Em situações normais, é necessário somente a regulagem do parafuso excêntrico localizado na bandeja inferior responsável pela correção do angulo da cambagem, conhecida como Cambagem Inferior.

cambagem_inferior
Parafuso de Regulagem da Cambagem InferiorPara algumas torções leves, quando o parafuso de regulagem da cambagem inferior já atingiu o limite, é possivel a correção utilizando a inserção de grampos de ajuste entre a bandeja e torre conhecida como cambagem superior.

grampo_cambagem cambagem_superior
Detalhe do grampo e instalação dos mesmos no eixo da bandeja

A quantidade de grampos dependederá das medidas apontadas e não mais do que 3 a 4 grampos por eixo. Mais do que isso sugiro a correção da estrutura do carro. Com estes grampos também é possivel a correção do caster em alguns casos.

6) Cuidados com a Convergência – É muito comum não regularem direito a convergencia do carro visivelmente notado pela posição dos raios do volante.

Se você notar que o volante do carro tá fora da posição, com certeza terá que ser feito o ajuste da convergencia através das luvas de direção.

Se a convergencia estiver correta e os raios do volante ainda não estiverem corretos, fazer o ajuste da barra de direção, verificando a distribuição das luvas de direção com relação ao encurtamento ou alongamento do lado direito ou esquerdo através do numero de voltas das luvas bem distribuido.

convergencia2
Parafuso de Regulagem da Cambagem Inferior8) Conferência do Alinhamento – A primeira conferência do alinhamento deve ser feito em torno de uma semana após o alinhamento e já a nova checagem deve ser feita a cada 6 meses.

Claro que dependerá muito das vias de sua cidade, a forma como dirige, se passou em buracos grandes, quebra molas, estado geral da suspensão, etc.

alinhamento_3d alinhamento4
Checagem do alinhamento do meu Maverick

Esperamos ter ajudado aos amigos através desse topico e nosso agradecimento vai para o Elias Barbixinha que nos ajudou com as informações e fotos para a nossa página.

TABELAS COM AS CONFIGURAÇÕES ORIGINAIS DE FÁBRICA:

Item Mínimo Ideal Máximo Máxima variação
entre as rodas
Caster – 2.½° – ½° + 1.½°
Camber – ¾° + ¼° + 1.¼°
Convergência 1/6″ 3/16″ 3/8″
Divergência nas curvas com as rodas externas a 20° – 18°21′

Um FORD abraço a todos

Arnaldo Landau